Ainda não é cliente?

Experimente Grátis por 30 dias!

Notícias
  • Comunicados e acontecimentos gerais

  • Nota de Repudio
  • 20/10/2016 17:11:57

    NOTA DE REPÚDIO
     
    A Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção de Navegantes vem a público se manifestar sobre o lamentável episódio ocorrido no dia 19/10/2016 na Avenida Prefeito José Juvenal Mafra, no Centro desta cidade de Navegantes/SC, onde 02 (dois) policiais civis agrediram um cidadão que estava prestando serviços nas obras de macrodrenagem.
    A forma como referido cidadão foi abordado, gerou extrema revolta em toda população navegantina.
    A OAB – Subseção de Navegantes entende que a Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, garante o Devido Processo Legal àqueles que possam ter cometido algum crime, não cabendo à polícia a autotutela, tampouco abuso de autoridade, muito menos o julgamento de culpabilidade.
    A OAB – Subseção de Navegantes está acompanhando o caso, através dos advogados inscritos nos seus quadros, bem como encaminhará ofício para o Ministério Público de Santa Catarina e à Corregedoria do Estado de Santa Catarina para que fiquem cientes do ocorrido e  tomem as medidas necessárias, garantindo a todos os envolvidos a apuração do fatos e o direito do Devido Processo Legal.
    Navegantes/SC, 20 de outubro de 2016.
     

    DIRETORIA E CONSELHO DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL – SUBSEÇÃO DE NAVEGANTES

    Fonte: OAB Navegantes

    © 2014 OAB Todos os direitos reservados